Izabella

A Iza se vê como uma privilegiada diante da população de mulheres negras do país.

Nascida em Madureira, ela teve oportunidades únicas, mas também batalhou muito para alcançar o que queria.

Aos 23 anos, é formada em design, já morou na Espanha, no Chile e assina a própria marca de sapatos artesanais.

A profissão começou como um hobby. Quando, ainda adolescente, ela lia blogs de moda e pesquisava sobre tendências, não sabia o quão potente e política a moda pode ser.

O que ela sabia é que, sendo uma mulher negra no Brasil, ela teria que se esforçar duas ou três vezes mais que homens e pessoas brancas, para ocupar seu lugar no mercado. E ela não só ocupou como foi além.

Com sua marca de sapatos A-aurora (que é parte do seu nome, Izabella Aurora), ela foi convidada a participar de uma exposição de trabalhos com madeira no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

Apesar das barreiras sociais e políticas, a Izabella já tem muitas conquistas para se orgulhar. E para ela, a maior de todas é estar em constante descoberta da própria essência.

Izabella é uma feminista em expansão.

2019-04-26T00:23:58-03:00